Marvão-Beirã aponta ao futuro

2019-01-10

“Um Projeto de Futuro para a Beirã (Marvão) – Baseado na Arquitectura e Urbanismo de Tradição Alentejana” é o nome do livro que acaba de ser lançado pela Fundação Serra Henriques,  e que tem por base o seminário internacional “The Reconstruction of Cultural Heritage” e a Marvão Summer School que decorreram em julho de 2018 na Estação ferroviária de Marvão-Beirã.

A IP esteve representada pelo Arq. António José da Silva Borges, que assina um dos prefácios da obra e de onde destacamos:
“O desenvolvimento a partir do último terço do século XIX do Ramal de Cáceres e da ligação ferroviária Lisboa/Madrid, juntamente com a crescente importância no controlo fronteiriço entre os dois países, foram preponderantes na decisão de contruir nos anos 20 do século XX o Edifício de Passageiros e o antigo Restaurante, inseridos na Estação Ferroviária de Marvão-Beirã.”

A obra foi editada em três línguas (inglês, português e espanhol) e pode ser consultada abaixo.